Portos espanhóis crescem 8% até Agosto

por Redação | Iris Sant'Anna

13/10/2017

Nos primeiros oito meses do ano, os portos espanhóis (sem Algeciras) movimentaram 286 milhões de toneladas, o que representa um crescimento homólogo de 8,3%, divulgou a Puertos del Estado. O tráfego de contentores cresceu 9,2% e chegou aos 7,5 milhões de TEU

Imprimir

 

Porto de Barcelona - TCB

Os números pecam por defeito porque Algeciras é, apenas, o primeiro/segundo porto do país vizinho. A não divulgação dos seus números continua a ser justificada pela mudança do sistema informático.

Considerando os portos de que se conhecem os resultados, a carga contentorizada marca o ritmo de crescimento com um avanço homólogo de 14% para os 81,6 milhões de toneladas. A carga geral avança 10,98% e chega aos 123,9 milhões de toneladas.

Os granéis líquidos atingiram os 99 milhões de toneladas (mais 6,6% em termos homólogos) e os granéis sólidos contaram 63,3 milhões de toneladas (mais 5,8%).

Barcelona cresce mais

O porto de Barcelona é, de longe, o que mais cresce, e com isso consolida a sua posição de terceiro maior porto do país vizinho (incluindo, claro, Ageciras).

Pelo porto da cidade  condal passaram, entre Janeiro e Agosto, 39,4 milhões de toneladas, o que representa um crescimento de 21,5% face ao mesmo período de 2016.

Valência, número um do ranking, movimentou 48,9 milhões de toneladas – um avanço de apenas 3,1% – e Cartagena, que fecha o pódio, tocou os 22,8 milhões de toneladas (mais 10,7%).

Transhipment dispara em Barcelona

O movimento de contentores cresceu 9,2% até ao final de Agosto e chegou aos 7,5 milhões de TEU. Os movimentos de transhipment cresceram 21,8% e atingiram os 2,9 milhões de TEU.

Barcelona destaca-se com um crescimento acumulado de 31,1% e atingiu os 1,96 milhões de TEU. Para isso foram determinantes os 661 mil TEU de transhipment, um salto de 120% face ao registado nos primeiros oito meses do ano transacto.

Valência mantém-se como primeiro porto, com 3,2 milhões de TEU movimentados (1,7 milhões de transhipment), mas a crescer apenas 1,4%. Las Palmas é terceiro neste ranking sem Algeciras, com 727 mil TEU e um ganho homólogo de 20,3%.

 

Fonte: Transportes & Negócios

 

COMENTÁRIOS

Assine nossa newsletter